Urso Polar

Polar Bear 

Equipe | Team Taís de Moraes Alves, Gonzalo Lozano Arce, Maria Amado Mannise
Orientação | Orientation Ignacio Fernández Solla
Localização | Location Jyväskylä, FI
Ano | Year 2017

Diferente do que se imagina, o pelo do urso polar é transparente e apenas parece branco porque reflete a neve do entorno. Assim, o pelo do animal tem função dupla, ajudando o animal a se camuflar ao mesmo tempo em que permite que os raios de sol o atravessem e aqueçam a pele do animal, que é preta. O ar quente fica preso entre a pele e o pelo do urso, ajudando-o a ganhar e a manter calor. Adotamos essa mesma estratégia em nosso projeto para Jyväskylä, uma cidade finlandesa com clima severo.

No caso do edifício que projetamos, a pele externa é feita em policarbonato transparente e assume a mesma função que o pelo do urso. Ou seja, ao mesmo tempo em que cria uma zona de transição entre o clima externo e o interno ela permite que os raios de sol atinjam os painéis de Phase Change Material (PCM). Esse material armazena e libera calor no ambiente através de mudanças de estado e tem o mesmo papel que a pele do urso.

Assim como o policarbonato e os painéis PCM, todos os principais materiais usados no edifício podem ser encontrados num raio de 150km de Jyväskylä. A escolha dos painéis de madeira pré-fabricados das paredes estruturais do edifício obedeceu a esse critério e evoca a tradição finlandesa de construção com madeira. As lajes, feitas com painéis de madeira do mesmo fabricante, têm uma camada superior de concreto para aumentar sua massa térmica, e o isolamento térmico é feito com lã de ovelha.


Differently from common belief, polar bears’ fur is transparent and only looks white because it reflects the snow. Accordingly, the fur has a dual purpose: it camouflages the animal in its natural environment and at the same time traps air next to the skin, which is actually black, enhancing heat gain.

The polar bear’s strategy was adopted in our building envelope, which is composed by two layers: an outer polycarbonate transparent skin, that creates a buffer zone around the building, and an inner Phase Change Material (PCM) layer, which storages heat during the day and releases it into the building during the night.

All major materials used in the building, including polycarbonate and PCM panels, can be found within a 150km radius from Jyväskylä. The choice of prefabricated wooden panels on the structural walls of the building also followed this criterion whilst also evoking the Finnish tradition of building with wood. The slabs, made with wood panels from the same manufacturer, have an upper layer of concrete to increase their thermal mass, and the thermal insulation is made with sheep wool.